Publicações Recentes


O profissional habilitado espera uma atuação efetiva e respeitosa do seu conselho. Para isso o quadro funcional deve ser motivado e preparado para um atendimento de excelência. O meu programa de trabalho prevê ações para fortalecer o acervo técnico que é do profissional.

PROFISSIONAL HABILITADO

Emerson F. Tormann → 22 de nov de 2017


A comunicação é uma via de mão dupla. O meu programa de trabalho prevê ações para o real intercâmbio que aproxime o Conselho da sociedade, das empresas e, principalmente, dos profissionais. A resposta ágil às diversas demandas, será a tônica da nossa gestão.

COMUNICAÇÃO

Emerson F. Tormann →

A fiscalização é uma das principais razões da existência do Conselho. O meu programa de trabalho prevê uma fiscalização inteligente. Mediante a ampla divulgação de informações, a integração com outros órgãos e a ações fiscais propriamente ditas. Visando a valorização profissional e defesa do interesse público.

FISCALIZAÇAO

Emerson F. Tormann → 21 de nov de 2017
Queremos o debate entre candidaturas para responder a todas as perguntas, e também apresentar propostas. Mas enquanto eu não recebo convite, procuro dialogar sobre a verdade e propagar meu programa de trabalho.

O CREA-DF é Autarquia que tem representação em diversos colegiados (CONAM-DF, CONPLAN-DF etc.). Mas os profissionais sabem quem são os representantes?

Atualmente, os representantes são indicados pela presidência, sem consulta ao Plenário do CREA-DF. O que é absurdo!

Esta questão sempre foi preocupação durante os meus mandatos de Conselheiro. Desde o ano passado, por exemplo, pelo menos em 4 sessões plenárias fiz manifestações de que os representantes do CREA-DF em colegiados deveriam ser indicados via Plenário! Eleito em 2017 para coordenar a Comissão de Normas e Procedimentos do CREA-DF, precisei defender o óbvio: de fazer constar na minuta de revisão do Regimento do CREA-DF que a representação deve ser escolhida via Plenário de Conselheiros.

Alguém sabe qual posicionamento o CREA-DF leva para estes colegiados? Qual é a formação destes representantes? Se prestam contas sobre a atuação?

Eu quero ter a chance de ser presidente para renovar o CREA-DF! Para restabelecer a necessária Ética e Transparência em nosso Conselho Profissional!!

Engenheiro Kleber Santos, candidato a presidente do CREA-DF

Enquanto o debate não acontece...

Emerson F. Tormann → 20 de nov de 2017
Na última semana concentramos as visitas da campanha eleitoral em áreas rurais e Profissionais da Agronomia. Visitamos a COOPADF,  UPIS (que tem cursos de ciências agrárias), colegas que trabalham em escritórios locais da EMATER-DF, colegas que trabalham em escritórios de projetos e assistência técnica em geral.

Na próxima semana vamos visitar e dialogar o nosso Programa de Trabalho com colegas de diversas outras Engenharias!

Conto com os Amigos para divulgar as nossas propostas para renovar o CREA-DF!!

Campanha de Kleber Santos recebe apoio de profissionais de ciências agrárias

Emerson F. Tormann → 12 de nov de 2017
Sempre procurei analisar e conhecer as competências e a atual situação da fiscalização da Autarquia CREA-DF. Na minha atuação de Conselheiro (que não tem o poder do presidente do CREA-DF) sempre procurei pautar, nos últimos anos por necessidade mais ainda, as questões para aprimorar a fiscalização. 

Inclusive fui eleito pelo Plenário de Conselheiros do CREA-DF Diretor de Fiscalização em 2016. Quando reuni com todas as Câmaras Especializadas, quase toda semana reuni com a equipe de fiscalização. Identifiquei muitos problemas, procurei sempre transmitir sugestões para a atual Presidência do CREA-DF. Porém, os posicionamentos equivocados da atual presidência do CREA-DF, que inclusive não atendeu questões essenciais para fortalecer a fiscalização do CREA-DF, motivaram a minha candidatura para, democraticamente, disputar a presidência do CREA-DF. 

O Conselheiro se dedica, faz manifestações, mas não tem o poder do presidente do CREA-DF. Eu quero valorizar e responsabilizar , de fato, a representação dos conselheiros que honram o mandato recebido da entidade de classe ou da instituição de ensino. No meu programa de trabalho , é preciso mudar o atual sistema de remuneração dos fiscais, porque os fiscais devem ter condições de exercer a fiscalização com imparcialidade. 

Está previsto a modernização tecnológica, inclusive para colher dados para exercício da fiscalização. Está prevista a boa engrenagem entre Ouvidoria e Fiscalização, inclusive via sistema de denúncias e acompanhamento por aplicativo móvel ou "app" (visitei o CREA-PR e outros Creas para conhecer e adaptar o sistema aqui no DF). 

No meu programa de trabalho vamos fazer concurso. A fiscalização não será somente punitiva. Entre outras questões que são fundamentais para fortalecer a fiscalização e renovar o CREA-DF. E também quero ouvir e receber mais sugestões.

Kleber Santos 29

Fiscalização é o primeiro tópico do Programa de Trabalho porquê é basilar para o CREA-DF

Emerson F. Tormann →
1. Transparência na divulgação do orçamento, arrecadação e despesas do CREA-DF;
2. Fiscalização atenta à ocupação de cargos de natureza técnica em instituições públicas;
3. Combate ao ensino à distância nos cursos de engenharia e agronomia;
4. Gestão colegiada com atenção e respeito ao Plenário, Câmaras Especializadas e órgãos consultivos.
5. Criar o Fórum de docentes para institucionalizar a relação com escolas e universidades

» veja o resumo do Programa de Trabalho de Kleber Souza dos Santos, candidato à presidência do CREA-DF

Propostas para renovar o CREA-DF

Emerson F. Tormann →